TIM vai comercializar smartphone Asus

ZenFone-4

A operadora móvel TIM e a fabricante de smartphones Asus fecharam acordo para a venda do smarpthone Zenfone 4 (foto) nas lojas da operadora, em todo o Brasil. O aparelho será comercializado de duas maneiras: com preço cheio, de R$ 2.099, para clientes pré-pagos; ou subsidiado, nos planos pós-pagos, com fidelidade de 12 meses, custando entre R$ 1.199 e R$ 1.749. Os dispositivos já foram distribuídos e as vendas começam nesta quinta-feira.

No mercado brasileiro de smartphones desde 2014, a Asus sempre concentrou esforços no varejo físico e digital. A parceria com a TIM é a entrada no universo das operadoras. Conforme Yuri Franco, gerente de marketing para o Brasil, a ideia é conhecer o comportamento do segmento. Para isso, a distribuição inicial é de duas mil peças. Ele acredita que em 2018 mais operadoras venderão os smartphones da fabricante. “Já estamos em negociação com todas”, afirma.

Mercado em disputa

Firmado o pé neste mercado, volume e variedade de oferta tendem a crescer. “A ideia é ir aumentando o portfólio com as outras operadoras”, diz o responsável pelo marketing da Asus no país. Ele espera que entrada nas lojas das teles traga um ganho de marca e ajude a enfrentar a concentração do mercado nacional de smartphones, dominado por Samsung e Motorola. A Asus é a quinta maior vendedora de dispositivos no país, atrás também de LG e Apple.

Nos últimos dois anos, as operadoras deixaram de lado estratégias de subsídio de celulares. Isso as fez perder para o varejo o posto de maiores vendedoras de aparelhos. Este ano, retomaram a prática de vender dispositivos a preços mais baixos que o praticado no varejo, mas com foco nos modelos high-end, aqueles mais caros, com intuito de atrair o consumidor para o pós-pago. Prática que não deve alterar o share das vendas de aparelhos no curto prazo.

O Zenfone vendido pela TIM tem processador Snapdragon 630, 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno e câmera dupla na parte traseira. O aparelho bate de frente com a linha Moto Z2, da Motorola. A Asus não revela quantas unidades vende no Brasil, mas afirma que este ano as vendas superaram as de 2016 e de 2015, em unidades e em receita. “Desde que começamos em 2014, não paramos de crescer. Mesmo com instabilidade. A gente vai indo devagar, mas de forma sustentável. Começamos com um smartphone de R$ 700. Hoje, o produto conseguiu ganhar corpo, e concorremos bem no segmento intermediário premium”, analisa.

 


Source link

Recommended Posts

Leave a Comment